GONCALVES INFOR: AMD revela processadores Trinity

AMD revela processadores Trinity

Os processadores Llano da AMD fizeram bonito nos benchmarks e ajudaram a fabricante de Sunnyvale a roubar um pouquinho do mercado da poderosa Intel em 2011. Hoje a empresa revelou as primeiras APUs da linha Trinity, que chegam para concorrer com a arquitetura Ivy Bridge e inicialmente são voltadas para notebooks e ultrafinos.

A AMD revela que já vendeu mais de 30 milhões de APUs, nome que a empresa deu aos processadores com vídeo integrado num único chip. A arquitetura Trinity foi produzida com mais de 5,5 mil patentes e incluiu no portfólio da marca um processador de baixo consumo com TDP de 17 W, permitindo que ela possa competir com os ultrabooks da Intel. De acordo com a fabricante, uma das grandes vantagens do Trinity é a duração de bateria, que pode chegar a 12 horas.


Cinco novos processadores foram anunciados – três para notebooks e dois para ultrafinos. Os chips para desktops devem aparecer futuramente. O mais poderoso é o A10-4600M, com frequência de 2,3 GHz, cache L2 de 4 MB e vídeo Radeon HD 7660G integrado. O AnandTech fez alguns testes com jogos e na maioria deles o processador se saiu melhor do que o Intel HD 4000, presente no Ivy Bridge.

A tecnologia Turbo Core pode aumentar automaticamente a frequência do processador quando um dos núcleos for mais exigido – o A10-4600M pode chegar a 3,2 GHz. Além disso, as APUs contam com controlador de memórias DDR3 de até 1600 MHz (para notebooks) ou até 1333 MHz (para ultrafinos) e possuem o dobro de “performance por watt” em relação a geração anterior.

É verdade que a AMD ainda não possui um concorrente direto para o Core i7, mas pelo menos no Brasil, os produtos da marca possuem ótimo custo-benefício. Os gamers também não deverão utilizar o vídeo integrado, mas o alto desempenho das Radeon HD 7000 dos Trinity podem dar uma força para usuários que rodam jogos casuais e navegam na internet – com o avanço do HTML5 e do WebGL, o processamento gráfico da máquina é cada vez mais exigido.