GONCALVES INFOR: Dart a nova linguagem do Google

Dart a nova linguagem do Google

A Google lançou uma versão preview de uma linguagem de programação na web chamada Dart, com a qual os engenheiros da companhia esperam resolver alguns dos "defeitos" da conhecida linguagem JavaScript.

Os objetivos da Google com a Dart são criar “uma linguagem estruturada, mas flexível, para a programação na web”, escreveu o engenheiro de software da equipe da Dart, Lars Bak, em um post no blog oficial da companhia nesta segunda-feira, 10/10.




Apesar de Bak não ter mencionado o nome JavaScript, as habilidades da Dart lembram as dessa linguagem, e ela também resolve alguns dos problemas de organização e escalabilidade que têm sido ligados ao JavaScript.

Em documentos vazados, os engenheiros da Google se mostraram frustrados por “falhas fundamentais que não podem ser corrigidas com a mera evolução” do JavaScript. Feita para a criação de aplicativos web, a Dart é uma linguagem de programação orientada a objetos, podendo ser usada para fazer rapidamente projetos pequenos, assim como para desenvolver aplicativos web em maior escala. A Dart permite que o programador adicione variáveis sem definir o seu tipo de dados – chamado tipagem dinâmica – ou definir seus tipos de dados, processo chamado de tipagem estática. A tipagem dinâmica é melhor para projetos pequenos que precisam ser construídos rapidamente, enquanto que a tipagem estática ajudará a acelerar programas web em larga escala.

A versão preview da linguagem inclui um compilador e uma máquina virtual, juntamente com um conjunto de bibliotecas básicas. Para fazer suas criações Dart rodarem nos navegadores, os programadores podem compilá-las para JavaScript usando uma ferramenta incluída no pacote Dart.

A Google gostaria que cada navegador incluísse uma máquina virtual Dart nativa, sobre a qual os programas Dart possam rodar. Atualmente, nem mesmo o navegador da Google, o Chrome, tem suporte para a Dart. “Planejamos explorar essa opção”, escreveu Bak.

A Google precisará fazer muita campanha se realmente quiser que a Dart substitua o JavaScript na web. Na última estimativa mensal de popularidade de linguagens de programação a Tiobe Software colocou o JavaScript como a 10ª linguagem mais usada de modo geral.

A Dart não é a primeira tentativa da Google de criar uma linguagem de programação para resolver problemas de linguagens mais antigas. Em 2009, a gigante de buscas lançou a Go, que foi criada pela empresa como uma alternativa para as complexidades do C++, da Java e outras linguagens tradicionais.

O engenheiro Bak planeja revelar mais sobre a Dart durante a conferência GoTo, que acontece esta semana na Dinamarca.