GONCALVES INFOR: Nova ECS

Nova ECS

A Elitegroup Computer Systems, mais conhecida simplesmente pela sigla ECS, está estabelecida em Taiwan desde 1987, onde focou durante muitos anos o mercado OEM (fabricava os produtos para os integradores de PCs), como foi o caso da Dell, e de forma secundária, produzia para o usuário final. Durante este período, a empresa passou pelo estigma de desenvolver produtos de baixo custo, mas com qualidade inferior aos grandes players do mercado.
Contudo, ao longo dos últimos anos, a companhia vem cada vez mais se dedicando ao desenvolvimento de produtos diferenciados com alta qualidade. Um bom exemplo disso foi a criação da linha Black Series, voltada para o público mais exigente, sobretudo para o segmento intermediário de alto desempenho/entusiasta. A série é reconhecida por trazer um projeto diferenciado, componentes de altíssima qualidade, uma gama de recursos extras e de quebra, um visual bastante arrojado.

Outro ponto que reforça a tese de que a ECS tem como foco o seu cliente está no fato de que a companhia está dedicada ao contínuo aprimoramento de seus produtos. Para tanto, a equipe de qualidade utiliza um recurso interessantíssimo: colher os feedbacks da comunidade através das críticas escritas nas reviews pelos principais websites. Dessa forma, eis aqui um excelente canal para os leitores do Adrenaline expressarem suas experiências e opinarem sobre o produto.
Ampliando a prestigiada linha Black Series, a Elitegroup Computer Systems lançou recentemente a P55H-AK (US$299), super placa-mãe voltada para a nova geração de processadores da Intel, recheada de muitas tecnologias e recursos, como o suporte à dual GIGe Ethernet NICs, duas controladoras USB 3.0 - possibilitando 4 portas USB SuperSpeed, SATA 3 (6Gbps) - e o chip ponte NVIDIA NF200 (permitindo o uso do 3-way SLI). Além disso, a mobo conta com um excelente potencial para overclock e um design bem moderno.